Realização Senac Santa Catarina, com apoio Fecomércio SC e FloripAmanhã

Top
Cidades Criativas UNESCO da Gastronomia – Observatório da Gastronomia
6291
page-template,page-template-full-width,page-template-full-width-php,page,page-id-6291,page-parent,mkd-core-1.0,highrise-ver-1.2,,mkd-smooth-page-transitions,mkd-ajax,mkd-grid-1300,mkd-blog-installed,mkd-header-standard,mkd-sticky-header-on-scroll-up,mkd-default-mobile-header,mkd-sticky-up-mobile-header,mkd-dropdown-slide-from-bottom,mkd-dark-header,mkd-full-width-wide-menu,mkd-header-standard-in-grid-shadow-disable,wpb-js-composer js-comp-ver-5.4.7,vc_responsive
 

Cidades Criativas UNESCO da Gastronomia

Florianópolis - SC
A designação de Florianópolis como a Cidade Criativa da Gastronomia da UNESCO é um incentivo extraordinário para a cidade promover o desenvolvimento sustentável através das indústrias culturais e, assim, contribuir para atrair investimentos e recursos humanos qualificados.
Belém - PA
A gastronomia está ancorada na vida da cidade, pois abriga o mercado histórico de alimentos Ver-o-Peso, que deu origem ao maior festival anual da região amazônica dedicado à gastronomia. Hoje, o setor desempenha um papel importante na economia local, empregando 43.000 pessoas.
Paraty - RJ
A visão de Paraty sobre a gastronomia e a agricultura concentra-se principalmente em processos ecológicos baseados na biodiversidade. Paraty também é celebrada por seu conhecimento na produção de cachaça, o famoso espírito de cana do Brasil.  Estima-se que 20% da força de trabalho da cidade atue em setores agro-alimentares e gastronômicos.

Receba informações sobre a rede produtiva da Gastronomia.